ALERTA: Uma a cada 12 pessoas no mundo pode ter hepatite B ou C, sem saber. Não há sintomas e o vírus não é detectado em exames de rotina. Tem certeza que você não tem? Faça o exame, é gratuito.

segunda-feira, 25 de julho de 2011

Hepatite C: passeata virtual para quebrar o silêncio

A série Hepatites - Epidemia Ignorada, apresentada pelo Dr. Drauzio Varella no Fantástico, está desvelando a muitos brasileiros uma realidade até então desconhecida: milhões de pessoas no Brasil podem estar contaminadas com um vírus potencialmente fatal e nem desconfiar disso, uma vez que as hepatites B e C não apresentam sintomas na maior parte das vezes. Já passou da hora desse silêncio ser quebrado! Participe da passeata virtual para ajudar que isso aconteça: www.quebreosilencio.com.br.

As hepatites estão muito mais perto do que as pessoas costumam imaginar. Se procurar, você poderá encontrá-las entre seus amigos e familiares e até mesmo no espelho - o que aconteceu comigo, como você pode ver no vídeo abaixo (1 minuto de duração):





28 de julho - Dia Mundial da Hepatite

Escolhida pela Organização Mundial da Saúde, a data visa alertar a população mundial para a importância da prevenção e necessidade de realização do exame das hepatites, pois quanto antes for descoberta a doença, maiores as chances de cura. Você pode pensar que está saudável porque não sente nada, mas sinto informar que EU TAMBÉM NÃO SINTO, e estou infectada com o vírus da hepatite C desde criança, há exatos 25 anos.


Quebre o silêncio

Você pode quebrar o silêncio sobre a Hepatite C de duas maneiras bem fáceis.

1) Acesse o site www.quebreosilencio.com.br e compartilhe as informações sobre a Hepatite C com seus amigos e familiares por meio da passeata virtual. Para participar da passeata, basta inserir seu nome de usuário de uma das seguintes redes sociais: Twitter, Facebook ou Orkut. Não se esqueça de usar a hashtag #quebreosilencio em suas postagens para divulgar a iniciativa!

2) Vá aos postos credenciados nas cidades de São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ) e Recife (PE) e faça o teste para diagnóstico da Hepatite C. É simples e rápido. As pessoas que tiverem resultado positivo terão encaminhamento médico necessário para tratamento da doença.


Coloque sua carinha nessa marcha virtual. A minha já está lá!



Você pode fazer o exame gratuito de hepatite B e hepatite C em todo o país. Basta ir a um dos endereços dos Centros de Testagem e Aconselhamento (CTA).


Saiba mais

No dia 28 de julho será realizada a campanha “Hepatite C. Quebre o silêncio” com o objetivo de alertar o público a respeito da doença. Serão disponibilizados testes rápidos gratuitos para diagnóstico em São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ) e Recife (PE). Na Web, o internauta pode saber mais sobre a doença no site www.quebreosilencio.com.br e participar de uma passeata virtual para mobilizar amigos e familiares.
O que é Hepatite C?
A Hepatite C é causada pelo vírus HCV, que é transmitido pelo contato com sangue contaminado. As formas mais comuns de contágio são o uso de agulhas e seringas compartilhadas e a manipulação de materiais contaminados que cortem ou perfurem a pele, como lâminas, bisturis e alicates.
Fatores de risco
Usuários e ex-usuários de drogas que compartilhavam agulhas e ex-atletas que dividiam medicamentos com seus companheiros (como injeções de energéticos, vitaminas e outros) têm maiores chances de estarem com o vírus. Além disso, todas as pessoas que receberam transfusão de sangue antes de 1992, inclusive transplantados, podem estar infectadas. Antes dessa data, o sangue das doações não era analisado para detecção desta forma de hepatite.
Diagnóstico e cura
A detecção da doença é muito importante, já que ela pode permanecer até 20 anos no organismo sem apresentar nenhum sintoma. As chances de cura com o tratamento adequado são maiores a partir de um diagnóstico precoce. Cerca de 20% dos infectados eliminam o vírus espontaneamente. Entre os 80% restantes, quase dois terços se recuperam se tratados corretamente.
No Brasil, estimativas mostram que há aproximadamente três milhões de pessoas infectadas e a doença representa a principal causa de transplantes de fígado no país. Mundialmente, mais de 500 milhões de pessoas estão infectadas com os tipos B ou C da doença – um índice dez vezes maior do que o número de portadores do HIV/Aids. 

domingo, 24 de julho de 2011

Hepatite C: Drauzio Varella alerta sobre a doença no Fantástico

O Dr. Drauzio Varella falou de pontos fundamentais sobre a epidemia de hepatite C na matéria de hoje no Fantástico. Quem perdeu ou quer rever, pode assistir abaixo:

Banner da campanha




Leve o banner do Dia Mundial da Hepatite para seu blog,
copiando o código abaixo:

terça-feira, 19 de julho de 2011

Hepatite C: boas notícias do Ministério da Saúde

No mês de julho, temos recebido boas notícias vindas do Ministério da Saúde sobre a hepatite C. Compartilho com vocês um resumo delas:


Novo protocolo de tratamento da hepatite C


No início deste mês, reportagem do Bom Dia Brasil causou muita repercussão. A matéria Interrupção do tratamento da hepatite C pelo SUS assusta pacientes mostrava que respondedores lentos, cujos médicos prescreviam estender o tratamento por 72 semanas, precisavam entrar na justiça para garantir o direito de continuar recebendo os medicamentos pelo SUS. 

Três dias depois, o mesmo jornal trazia a reportagem: "Ministério da Saúde anuncia mudança no tratamento da hepatite C", noticiando que o Ministério aprovou alteração no protocolo de tratamento e aumentou para 72 semanas o prazo de fornecimento do medicamento Interferon Peguilado.

Leia aqui os comentários de Carlos Varaldo, presidente do Grupo Otimismo, sobre as alterações no protocolo, que passaram a vigorar ontem, 18 de julho: Principais pontos do novo protocolo de tratamento da hepatite C. Um grande avanço! 


Teste NAT em todas as bolsas de sangue


No post Transfusões de sangue são 100% seguras atualmente?, conversávamos sobre a janela imunológica  e o risco de, ainda hoje, sermos contaminados com vírus como o da hepatite C em transfusões de sangue - como ocorreu comigo quando criança. 

Agora, por decreto do Ministério da Saúde, todo cidadão brasileiro tem direito, por lei, de ter o sangue que receberá testado pelo NAT. Esse teste, o qual mencionei no post citado acima, reduz significativamente o tempo de detecção de um vírus após infecção, reduzindo (e muito!) as possibilidades de transmissão dos vírus da Aids, hepatite B e hepatite C em transfusões sanguíneas.



Testes rápidos de detecção das hepatites B e C


Outra boa notícia: a partir de agosto, o SUS disponibilizará nos Centros de Testagem e Aconselhamento (CTAs) testes rápidos de detecção das hepatites B e C. Segundo o Ministro da Saúde @padilhando“Queremos acolher os pacientes o mais rapidamente possível. Com o diagnóstico precoce, podemos orientá-los para evitar a transmissão da doença e iniciar a oferta do tratamento adequado, garantindo melhor resposta do organismo e mais qualidade de vida”.


Como eu sempre digo: temos de criticar e cobrar o Ministério da Saúde quando necessário - isso faz parte de nosso papel de cidadãos -  mas também precisamos aplaudir quando boas iniciativas são implementadas.
Então... Clap clap clap!

E tem mais: na próxima semana, mais precisamente no Dia Mundial da Hepatite, 28 de julho, o Ministério da Saúde lançará sua campanha de combate às hepatites. Aguardemos...


Fontes de consulta:

domingo, 17 de julho de 2011

Hepatites no Fantástico - Epidemia Ignorada

Dr. Drauzio Varella alerta a partir de hoje para o perigo silencioso das hepatites em nova série do Fantástico: "Hepatites: Epidemia Ignorada".



A matéria de hoje falou sobre a hepatite B. Apesar de muito bem produzida e de trazer informações importantes, estranhei o fato de não ter sido citada a transmissão sexual desse tipo de hepatite, uma vez que ela ocorre até 100 vezes mais fácil que a transmissão do HIV por via sexual

Mesmo assim, valeu o alerta: pelas manifestações que acompanhei no Twitter, muita gente sairá em busca da vacina essa semana. É necessário lembrar de tomar as três doses da vacina corretamente para estar imunizado. E, mesmo assim, é interessante fazer exame após a terceira dose, para verificar se a imunização está ativa. O alerta é do Grupo Hércules, após observar casos de pessoas infectadas com hepatite B mesmo com a vacina. 


Prevenção é tudo: tome a vacina, tenha os cuidados necessários (como levar seu próprio kit manicure ao salão) e, claro, use preservativo em todas as relações sexuais. Sim, eu sei que usar camisinha é ruim, já falamos sobre isso aqui: Falando francamente sobre camisinha. Mas precisa, ok?

Confira a reportagem do Dr. Drauzio Varella:



Para quem não sabe, no início do ano eu fui consultada pela produção do programa para participar dessa série, mas no final acabou não dando certo. =(

Na semana que vem, a séria abordará o grave problema da hepatite D, especialmente no norte do Brasil. Para saber mais sobre a série, consulte o site da Rede Globo: 
Drauzio Varella alerta sobre perigo da hepatite em nova série

sábado, 16 de julho de 2011

Projeto Voluntariando-C

No post 80 mil professores podem estar contaminados com hepatites B e C, eu alertava para a incidência dessa doença silenciosa entre os profissionais da educação e ressaltava seu importante papel na conscientização de seus educandos, quanto à prevenção e diagnóstico. Disponibilizei, inclusive, download de apresentação sobre as hepatites B e C, voltada para fins didáticos. 

Hoje quero compartilhar com vocês o belíssimo trabalho que a professora @SilviaRinaldi, de São Paulo, desenvolveu junto a seus alunos da 8ª série. Eles pesquisaram os temas doação de órgãos, transplantes, hepatite C e doação de sangue em blogs e perfis de redes sociais - devidamente selecionados pela professora, dentre os quais o Animando-C (pelo que fiquei muito honrada!).  Depois da pesquisa, desenvolveram o vídeo abaixo, que ficou demais! 





Parabenizo mais uma vez a iniciativa da querida @SilviaRinaldi e essa turminha que arrasou!

Sílvia e eu - conhecendo-nos pessoalmente em maio/2011

Atualização em 28/09/2011:
Leiam sobre a repercussão do projeto Voluntariando-C (que chegou até no Ministério da Saúde!) nos links abaixo:

sábado, 9 de julho de 2011

'This is Hepatitis...' blog

Já viram o Animando-C no site da World Hepatitis Alliance
Clique abaixo e confira. Amei!




sábado, 2 de julho de 2011

Fio da Vida - uma luta contra a hepatite C

No próximo dia 19 de julho, será lançado o livro Fio da Vida - uma luta contra a hepatite C, na charmosérrima Livraria Cultura do Conjunto Nacional, que fica na também charmosérrima Avenida Paulista.

O livro de Eli Angela Croffi de Camargo conta a vivência da autora com a hepatite C, que de antemão já sabemos ter um final feliz: sua cura! =)



Infelizmente, caro leitor, cara leitora, não poderemos encontrar-nos lá, porque tenho um evento importante de trabalho em Brasília na data. Mas estou super ansiosa para ler o livro, sobre o qual a querida Eli Angela me fala há algum tempo.

Já nem sei se eu e a Eli nos conhecemos aqui no blog ou nas comunidades sobre hepatite C no Orkut, mas o fato é que ela é uma das leitoras mais assíduas do Animando-C e muito querida.

Quem puder, prestigie o evento! Eu estarei lá em pensamento, torcendo pelo seu sucesso.


Atualização em  12/07/2011:
O livro Fio da vida - Uma luta contra a hepatite C já está disponível para compra nos seguintes sites: