Uma em cada 12 pessoas no mundo pode ter hepatite B ou C, sem saber. Não há sintomas e o vírus não é detectado em exames de rotina. Tem certeza que você não tem? Faça o exame, é gratuito.

sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Em busca de um 2011 a ser sonhado e vivido

Imagem de domínio público

Há poucas horas de 2011, olho pra trás e revejo um ano de 2010 de encontros, desencontros e reencontros.

Ano de mudanças, que vieram acompanhadas de lágrimas e de sorrisos.

Perdemos pessoas, ou melhor, relações transformaram-se - neste e em outro plano.
Pessoas também entraram em nossas vidas, trazendo com elas o que têm de especial para tornar-nos seres também mais especiais.

Um ano que fica marcado pela realização de meu maior sonho de adolescência: agradeço muito a mim mesma por ter me dado esse privilégio e garanto a vocês que realizar um sonho, por mais bobo que possa parecer aos outros, completa a vida da gente.

Um ano que deixa algumas heranças para 2011: algumas arestas a aparar mas, felizmente, também o potencial de muitas alegrias, do germinar das sementes plantadas.

Momento de refletir sobre nós mesmos e sobre como nos relacionamos com o mundo. Acha que não muda nada de um dia para o outro? Está enganado: a gente pode mudar de um minuto para o outro, basta apenas uma firme resolução. E quer saber? A virada do ano é um momento propício para isso. Lembrando que não dá pra esperar resultados diferentes, se continuarmos fazendo sempre a mesma coisa.

Pra mim, janeiro já começa prometendo...
Entre tantos planos para 2011, está a enorme vontade de cuidar mais da minha alma e de seu invólucro, ou seja, do meu corpitcho.

E tem show do U2 em abril com os amigos @melissaporai, @GELEAL e Juliane!

As perspectivas quanto às pesquisas e o tratamento da hepatite C são excelentes. Bem tranquila e confiante em relação a isso. Sim, saúde é um dos meus desejos para 2011. E um dos meus desejos pra vocês também.

Para começarmos bem a nova década, compartilho três frases que tenho fixadas aqui no computador, às quais recorro muitas e muitas vezes:

Por mais que não possamos voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode recomeçar agora e fazer um novo final. Chico Xavier
Jamais permitirei que uma pessoa me leve a odiá-la e com isso amesquinhe e degrade minha alma. Booker T. Washington
Uma vida não basta ser apenas vivida: também precisa ser sonhada. Mário Quintana


Um 2011 bem sonhado e vivido para todos vocês!

6 comentários:

  1. Oi, Ana

    Passei pra te desejar um excelente 2011 e pra dizer que gostei muito de conhecer o seu blog e a ti também, embora virtualmente.

    Te desejo uma excelente virada de ano. Muitas alegrias, saúde, paz, realizações e sucesso.
    Ano que vem estarei por aqui também.

    Até daqui a pouco.

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Max,

    Tudo na vida traz consigo aspectos positivos, se estivermos abertos a eles. Pra "quem tem olhos para ver", até uma doença grave como a hepatite C pode trazer coisas legais para a vida da gente.

    É inegável que as pessoas que tenho conhecido nessa caminhada fazem parte desse lado positivo. Não só as novas pessoas que entraram na minha vida, mas também pessoas que se transformaram por causa da minha doença.

    Obrigada pelo apoio em todas as horas. Pessoas como você, fazem a diferença.

    ResponderExcluir
  3. lutar sempre, desistir nunca3 de janeiro de 2011 22:14

    Beleza, Flor.
    Feliz 2011, que traga boas novidades para nós todos.
    Também vou ao U2 em abril
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Lutar sempre, desistir jamais - ou seja, meu amado pai...
    Obrigada por estar sempre ao meu lado, por lutar comigo, por acreditar que venceremos essa guerra contra a hepatite C. É muito bom saber (e efetivamente sentir) que não estou sozinha nessa luta.
    Um beijo, pai! Amo você!

    Ps: que bom que vamos nos encontrar no show do U2!

    ResponderExcluir
  5. Oi Ana, descobri que tenho hepatite C em abril, em setembro comecei os preparativos para tratamento e agora estou na 8ª semana, saí de férias em dezembro pois já me sentia muito fraca, deprimida e cansada. Voltei de férias no dia 03/01 mas não consegui ir trabalhar, era uma segunda e eu tinha tomado a injeção na sexta... terça-feira fui demitida. Claro que não dizem que é pela Hepatite C, mas eu tinha um salário mais alto para desempenhar várias funções ao mesmo tempo e meu rendimento deve ter caído. Bem, presentão de ano novo, né? Quando isso vai acabar? Sou solteira, sozinha e agora desempregada... dá vontade de largar o tratamento pois quem vai me contratar assim agora? E como sobrevivo? Difícil, né?
    Desculpe o desabafo.

    ResponderExcluir
  6. Cara Anônima,

    É inadmissível que você, num momento em que se encontra tão fragilizada, necessitando concentrar suas forças no tratamento e na sua cura, precise passar por um dano como esse.

    O que posso dizer é que, independente de eles atribuírem sua demissão à hepatite C, você provavelmente tenha direito a uma reparação por danos morais. Considere procurar seu sindicato ou um advogado.

    Veja os artigos 28, 29 e 30 da cartilha da AIGA: Direitos e obrigações legais nas hepatites B e C

    Boa sorte e não desanime em seu tratamento! Sua cura em primeiro lugar.

    Abraço!

    ResponderExcluir

Oi! Que legal que vc vai escrever alguma coisa! Assim, vc ajuda a "dar alma" ao blog.
Gostou? Não gostou? Quer dar sua opinião? Acrescentar mais alguma coisa? Compartilhar sua experiência? Será muito bem-vindo!
Um abraço!


PS: Fique atento que os comentários são indexados pelo Google. Portanto, se você quiser permanecer anônimo, não comente usando sua conta do Google, mas sim como "anônimo" ou com um nome fictício, ok?