Uma em cada 12 pessoas no mundo pode ter hepatite B ou C, sem saber. Não há sintomas e o vírus não é detectado em exames de rotina. Tem certeza que você não tem? Faça o exame, é gratuito.

quarta-feira, 31 de março de 2021

Celebrando 12 anos, na companhia de outro inimigo invisível

Hoje faz 12 anos que escrevi as primeiras linhas deste blog. Tanta coisa aconteceu de lá pra cá, mas uma coisa não mudou: a dor do tratamento me ensinou que viver bem era uma decisão. E continuo firme nela. Naquele primeiro dia, eu escrevi: 

Eu DECIDI que vou VIVER BEM, independente do que possa acontecer. 

Muita gratidão por hoje estar curada da hepatite C, depois de uma longa jornada de luta. Não foi daquela vez, mas minha hora chegou.

Agora cá estamos: mais uma vez precisando ser resilientes diante de um inimigo invisível. De novo falando de uma doença nova, cujas informações mudam o tempo inteiro. Mais uma vez lidando com a dificuldade das pessoas em interpretar dados e, como consequência, vários absurdos que acabam colocando vidas em risco. 

Neste momento, não estou saindo de casa nem para o supermercado. Sei que nem todos podem fazer isso, mas por favor, mais do que nunca, tomem cuidado. 

Sei que estamos cansados, sei que sentimos falta de muitas coisas, sei que muitos tiveram perdas irreparáveis, sei que nossa saúde mental às vezes se abala. Mas também sei que somos fortes. Acompanhei nesses 12 anos várias histórias de luta contra os vírus da hepatite B e C, que me mostraram que o ser humano é muito guerreiro e resiliente. 

Vi pessoas passando pelo tratamento com interferon por duas, três ou ainda mais vezes. Pessoas que fizeram mais de um ano daquele tratamento, passando mal 24h por dia. Que foram obrigadas a ficar a maior parte desse tempo em casa, porque não davam conta de sair (às vezes nem da cama). 

Então se você está com saúde agora, agradeça, respira fundo e aguenta mais um pouco. Ainda teremos muitos meses pela frente, mas já temos a maior arma que se pode ter contra um vírus: vacina. E temos várias, inclusive uma brasileira! 

Informe-se, busque fontes confiáveis, seja racional e lembre-se de que nada nesse mundo é mais importante do que vidas humanas. O resto a gente recupera, mesmo que demore. 

Fiquem bem, meus queridos! 

Olhem como a Florzinha cresceu <3 

PS: Quem quiser me acompanhar no dia-a-dia, é só chegar nos stories do meu perfil no Instagram: @trabalhada.na.beleza

0 comentário(s):

Postar um comentário

Oi! Que legal que vc vai escrever alguma coisa! Assim, vc ajuda a "dar alma" ao blog.
Gostou? Não gostou? Quer dar sua opinião? Acrescentar mais alguma coisa? Compartilhar sua experiência? Será muito bem-vindo!
Um abraço!


PS: Fique atento que os comentários são indexados pelo Google. Portanto, se você quiser permanecer anônimo, não comente usando sua conta do Google, mas sim como "anônimo" ou com um nome fictício, ok?